regularização fundiária

SERVIÇO

Reunião trata sobre doação de terreno para construção de Centro de atendimento e apoio aos pacientes com Câncer

Encontro ocorreu no gabinete da SERF, com representantes do Instituto Amar Mais

Publicado em: 29/04/2021 por Islene Lima

Secretaria de Regularização Fundiária

Reunião trata sobre doação de terreno para construção de Centro de atendimento e apoio aos pacientes com Câncer

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer, a doença pode atingir cerca de 625 pessoas só em 2021 (Foto: Assessoria)

Garantir apoio aos pacientes em tratamento oncológico, viabilizando meios para que os serviços de saúde sejam menos burocráticos, é uma das prioridades da gestão Assis Ramos. Diante disso, a Prefeitura de Imperatriz, por meio da Secretaria de Regularização Fundiária, SERF, esteve em reunião com representantes do Instituto Amar Mais, tratando sobre a possível doação de uma área para construção de um Centro de Atendimento e Apoio aos pacientes com câncer.

Reunião ocorreu no gabinete da SERF, por intermédio do secretário Jefferson Sales, que recebeu a presidente do Instituo Amar Mais, da casa de apoio a pacientes com câncer, Irlane Gomes, do voluntário assessor técnico responsável pelos projetos institucionais, Fábio Castro e do médico cirurgião oncológico voluntário, responsável pelo trabalho técnico da instituição, Gumercindo Filho.

O secretário destacou que a reunião foi muito produtiva e já aceita por unanimidade pela Câmara Municipal de Imperatriz por votação, certamente o projeto será apresentado e atendido brevemente.

“O trabalho realizado por essa instituição é de grande importância para os pacientes, familiares e sociedade no geral. O município trabalha exaustivamente buscando alternativas, parcerias e principalmente realizando ações efetivas e a longo prazo que possam melhorar a qualidade de vida de toda população. E, quando se trata de saúde pública, em especial ao combate ao câncer e suporte ao paciente, a gestão Assis Ramos não mede esforços”, explica Jefferson.

Atualmente a instituição recebe pacientes dos estados do Maranhão, Pará e Tocantins. O órgão começou suas atividades em 2015 e já realizou mais de 10 mil atendimentos incluindo estadia, alimentação e translado durante todo o tratamento.

Os pacientes ficam acomodados na sede da instituição e recebem todo o apoio durante o tratamento, incluindo atenção multiprofissional de assistência social, psicológica e cuidados no que diz respeito à enfermagem.

regularização fundiária