Meio Ambiente

LIMPEZA

Prefeitura realiza força-tarefa para acabar com lixão irregular

Vigilância constante do Município tem identificado locais usados como lixão

Publicado em: 27/11/2021 por Regilson Borges

Prefeitura realiza força-tarefa para acabar com lixão irregular

A Prefeitura tem monitorado e notificado quem realiza essas práticas. (Foto: Assessoria)

O trabalho de deixar a cidade mais limpa não para. Foi neste sentido que o prefeito de Imperatriz, Assis Ramos (DEM), visitou terreno que havia se tornado um lixão, neste sábado (27), no bairro Jardim Tropical. Por determinação de Assis, o dono do local vai ser notificado e toda a área será revitalizada, dando fim ao monte de entulho que se acumulou. 

Todas as providências para que desse fim ao lixão irregular, que se instalou no terreno, foram tomadas ainda neste sábado, em conjunto com diversas secretarias municipais. A ação contou com as secretarias de Meio Ambiente, Defesa Civil, Planejamento Urbano, Guarda Municipal, Infraestrutura e Limpeza Urbana. Ao visitar o local, o prefeito garantiu que irá determinar a revitalização do local, bem como a realização da drenagem e posteriormente a pavimentação das ruas. 

“Por meio de denúncias anônimas, pudemos encontrar esse lixão aqui. Eu me lembro que ele é muito parecido com o lixão da Lagoa da Covap, no Centro de Imperatriz. Graças a Deus, conseguimos combater e hoje não tem mais lixão. Agora lá tem uma universidade e o local é todo pavimentado. É uma colaboração nossa”, diz o prefeito. 

A Prefeitura combate a prática de jogar lixo em terrenos vazios, informa a secretária de Meio Ambiente, Rosa Arruda. “A ação mostra que o município não está omisso. E que essas questões podem ser resolvidas imediatamente, e que isso não ocorra em outros pontos da cidade. Isso é uma prática de muitas pessoas, que utilizam essas áreas para descarte irregular de lixo”, comenta a secretária. 

De acordo com o superintendente da Limpeza Pública, Alan Jhones, além de reforçar que a Prefeitura está atenta para os sujões e vai combater essa prática, no que cabe a sua superintendência, o terreno em questão será limpo, e os entulhos levados até lixão municipal. 

Os órgãos municipais também pedem que os cidadãos possam esperar até a coleta domiciliar passar pelo seu bairro. Já em casos de entulhos, eles devem ser destinados aos locais corretos. Diversas câmeras de monitoramento estão espalhadas em terrenos que são geralmente usados como destino para lixo. A Prefeitura tem monitorado e notificado quem realiza essas práticas.

 

Texto modificado, 27/11/2021, 11h56min. 

Meio Ambiente